Saltar para: Posts [1], Pesquisa [2]

Livro de Reservas

Bem vindos! Sou apenas uma Turista cheia de bagagem, em viagem pela Vida, registando Reservas aqui e ali num Hotel chamado mundo.

Livro de Reservas

23.Jun.19

Contemplação

Mi
Há uma serenidade misteriosa nos amanheceres cinzentos e melancólicos. A chuva tímida e confortavelmente persistente que se torna companhia na minha contemplação madrugadora: o frenesim dos pássaros na sua rotina matinal, o silêncio citadino, a tranquilidade. Testemunho um amanhecer despretensioso numa solidão tão acolhedora. Sinto paz.  A solidão é, inapropriadamente, confortável, porque apenas nos aconchegamos a ela, lentamente, no seu colo de monólogos interiores, (...)
11.Jun.18

Desvairos #12

Mi
Ainda que gostasse de não tornar 90% dos meus posts em algo lamechas, não consigo evitar. Estão a acontecer muitas coisas, menos boas... Agora que finalmente encontrei a estabilidade emocional para cuidar da minha relação, a Vida presentou-me com novos desafios. Envelhecer é uma coisa gradual, mas quando me apercebo da realidade, fico a pensar que, na verdade, parece tudo de repente. De repente, o meu avô materno ficou doente; de repente deixou de refilar com os netos por fazerem (...)
21.Mai.18

Desvairos #11

Mi
Tinha uma porta fechada; antes estivesse a sete chaves. Tudo o que atravessa portas é sorrateiro, indelicado, invasivo. Vem sempre de mansinho, transformando-se num temporal e levando tudo pelo ar. Na sua passagem, desarruma, distrai, provoca o caos. Insiste em rodopiar, enlouquece quem assiste. Não se sobrevive a algo tão intenso, apenas ficamos no chão, deitados, imóveis, a fitar o caos instalado e submersos em lágrimas. Pensamos como a ajuda demora a chegar, chegando à conclusão (...)
31.Mar.18

Desvairos #10

Mi
Esta semana, exactamente no dia 26, passou um ano desde que eu e o meu Namorado começámos a viver juntos. Já passou um ano. Estive 28 anos a morar com os meus Pais e quando eu e ele decidimos começar a pensar a sério no assunto, foi algo pelo qual ansiava. Sentia-me preparada para este passo. Toda a azáfama da mudança, de encaixotar, de descartar, de organizar e de encontrar um novo lar para todas as minhas coisas preenchiam-me a cabeça: era a minha praia - arrumar e organizar. Sem (...)